Notícias

24-05-2018 Prefeitura de Palotina realiza mapeamento sobre incidência de escorpiões

A Prefeitura de Palotina por meio da Secretaria de Saúde – Vigilância Sanitária realizam neste sábado, dia 26, um programa de manejo ambiental para controle de escorpiões. A partir das 8h da manhã, os agentes de endemias vão realizar um levantamento com os moradores e empresários para verificar o surgimento e possíveis acidentes com o aracnídeo no quadro central da cidade.

Este mapeamento é necessário para que novas ações sejam tomadas para controlar a incidência destes animais na área urbana. “Vamos fazer um inquérito sanitário para reconhecer onde existe a circulação do escorpião”, ressalta o coordenador da Vigilância em Saúde, Oderlei Rannow. “Nossa ideia é diminuir a circulação do escorpião”, acrescenta.

Os questionários serão feitos pelos agentes de endemias que já vistoriam as residências a cada dois meses para controlar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, orientando a população sobre possíveis focos que podem favorecer o desenvolvimento do inseto. As pessoas devem estar atentas e responder as seguintes questões:

- Já encontrou escorpião no imóvel?
- Houve algum acidente com o escorpião no imóvel?
- Em caso de acidente, procurou o posto de saúde ou o médico?

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, os escorpiões são pouco agressivos e têm hábitos noturnos. Encontram-se em pilhas de madeira, cercas, sob pedras e nas residências. Duas espécies merecem maior atenção médica: Tityus serrulatus (escorpião amarelo) e Tityus bahiensis (escorpião marrom).

Maiores informações no setor de Vigilância Sanitária, localizado na Rua Getúlio Vargas esquina com a Rua 15 de Novembro, próximo ao Posto de Saúde Central. Telefone para contato: (44) 3649 – 2793.


© 2015 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Azz Agência